domingo, novembro 02, 2014

The power of love...

Fotos da cidade. / City photos.

O amor até pode nem estar no nosso caminho... mas deve ser sempre o caminho... até ao fim...
Foto de Ana Freire... a que associamos, hoje, uma música de Lara Fabian, Love by Grace, aqui fica o link.

O amor até pode nem estar no nosso caminho... mas deve ser sempre o caminho... até ao fim... / Love it might not even be on our way... but it should always be the way... right to the end...
Até ao fim... / Right to the end...

Love it might not even be on our way... but it should always be the way... right to the end...
Photo by Ana Freire... to which we linked a song from Lara Fabian, called Love by Grace (see the link above, on this post).


29 comentários:

  1. foste logo encontrar 2 folhas apaixonadas para fotografar :)
    gosto muito da frase... é bem verdade! e o nosso caminho somos nós que escolhemos (pode é não aparecer o caminho que queremos, mas há sempre muitas escolhas)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois é, Paulo! Estas duas folhas estavam mesmo mortinhas... para aparecer na fotografia... lá calhou...
      Obrigada pela visita e palavras de apreço.
      Abraço
      Ana

      Eliminar
  2. As folhas secas remetem ao fim de um ciclo enquanto nas amarelas a luz e a cor ainda está presente,
    _ é o caminho que também percorremos ,até chegar aos nossos outonos.
    Gosto imenso desse' love ' da Lara Fabian _são tantas as histórias de amor que deixamos pela estrada e tantas outras que ainda podemos trilhar_ a música fala do poder dessas vivências e esperas.É bonita.
    A foto está linda também Ana , um belo colorido.
    boa semana , abraços.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito obrigada, pela simpatia de sempre, Lis!
      Escolhi a Lara Fabian, por ser uma música, que em tempos, ouvia frequentemente, numa daquelas novelas fabulosas, da Globo, da autoria do vosso Manoel Carlos, um autor que adorava pelos temas sempre pertinentes e marcantes que escolhia.
      Boa semana também para você, Lis!
      Beijos.
      Ana

      Eliminar
  3. Outono de nostalgia
    de cores e também magia...

    Viva o amor~_

    Xoxo de aqui dos calhaus frios que nem um raio
    e uma bela semana


    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muitíssimo obrigada, pela simpatia, João!
      Uma óptima semana, também para si, com tudo de bom.
      Um xoxo, aqui, da Aldeia da Roupa Branca... que está encharcada, de tanto chover...
      Ana

      Eliminar
  4. Amor... A mor... Amo R... Amo Remus.
    Está mais que visto.
    :-)

    Podia vir para aqui começar a disparatar (como dizem ser o meu costume) mas perante uma fotografia assim tão... tão... tão... tão... tão... tão sublime, nem sei por onde começar.
    Podia disparatar e dizer que entre estas folhas não existe amor, porque cada um está a seguir o seu caminho. Por outro lado, podia dizer que na verdade existe muito amor, quase até pornográfico, já que aqui está retratada a posição 69 e as outras folhas todas, estão a assistir.

    Mas como não quero disparatar... vou ficar caladinho e render-me à evidência, que aqui está realmente uma boa fotografia, onde a luz foi bem dominada.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Mas... Mas... Mas... Mas... Mas... como é que um simples monte de folhas secas... acaba numa cena de Kama-Sutra vegetal, na cabeça do Remus?...
      Decididamente... a medicação do Remus... precisa de um novo ajuste... já vi tudo...
      Obrigada pela visita e comentário... com direito a bolinha vermelha, e tudo...
      E depois vem-me para aqui mandar com bolas para o quintal... depois não se queixe se lhe fizerem falta... ;-))
      Bjs
      Ana

      Eliminar
  5. Duas folhas amarelecidas pelo tempo e que pousararm muito bem aqui.
    Tal como o amor ele deve permanecer seja em que estação for, porque a vida sem ele não faz sentido e tudo cairia num vazio profundo se não polvilhássemos a nossa vida com pitadas dele.
    Como sempre uma boa escolha musical!

    Beijos Ana

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pareceu-me uma boa associação, entre imagem, tema e música, Manu!
      Por estes dias, ando sem tempo, para procurar citações adequadas às imagens, conforme gosto de fazer... logo, músicas que aprecio ouvir com frequência, fica bem mais fácil...
      Beijos
      Ana

      Eliminar
  6. Infelizmente, Ana, estou sem tempo e, por outras razões, a disposição não é muita.
    Já viste que o Grifo está meio parado, não já ?

    O 69 é um " número " como qualquer outro...
    Gostei imenso da imagem ! E o resto é conversa !

    Um beijo ( vou ver se ouço a música ).

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Espero que tudo se recomponha rapidamente, aí desse lado, João!
      A saúde em primeiro lugar... tudo o mais pode esperar...
      Os meus próximos dias, também irão ser bastante preenchidos, pelo que não conseguirei visitar os blogues, com tanta assiduidade, conforme desejaria...
      He he he! Claro que é um número como qualquer outro...
      Fico feliz, que tenha apreciado a imagem, João, ainda que sendo um tema bem simples... mas são coisas assim, que mais aprecio, e tenho oportunidade de fotografar...
      Um beijo
      Ana

      Eliminar
  7. Já ouvi a música, ANA !

    Gostei muito, mesmo !

    Um beijo amigo e obrigado pelo link.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Fico contente, que tenha sido do seu agrado, João!
      É uma música que aprecio bastante, embora já deva ter para aí uns 15 anos, mais ou menos...
      Muitíssimo obrigada, pelas visitas, comentários e palavras de apreço, João!
      Tudo a correr pelo melhor, por aí!...
      Beijos
      Ana

      Eliminar
  8. Gostei muito da foto. Outonal!
    Boa semana:)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito obrigada, Isabel!
      Igualmente uma óptima semana, com tudo de bom, para si.
      Beijos
      Ana

      Eliminar
  9. Uma escolha musical fabulosa, suave como suave é a beleza da tua foto em que as folhas amarelecidas esperam, calmamente, o seu fim...

    Beijinhos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muitíssimo obrigada, Elisa!
      Bom saber, que as escolhas que, por aqui vamos fazendo, continuam a ser do seu agrado.
      Beijinhos e obrigada pelas palavras de apreço.
      Ana

      Eliminar
  10. Curioso, hoje (04-11) coloquei uma porta no meu blogue que é a porta do amor. Há muito amor no ar.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Assim que der, já lá vou meter o nariz, Questiuncas! Avizinham-se dois dias bem ocupados, pela frente...
      Anda muito amor no ar?... Só se for por aí... Por aqui é mais aviões, nuvens, passarinhos... e de vez em quando, uns pianos de cauda, que despencam do ar, para abrir a pestana...
      Abraço. Vamos lá a ver se não vou bater com o nariz, na porta...
      Ana

      Eliminar
  11. Que interessante, eu tb consigo fazer analogias com esta tua foto, está muito bem a ilustrar este teu post. Acho que já foi tudo dito, basta-me apenas continuar a "ouvir" esta foto. Bjs

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada, Zekarlos!
      Sempre bom saber que alguém nos "ouve" do outro lado.
      Bjs
      Ana

      Eliminar
  12. O amor pode não estar no nosso caminho, mas a Ana está seguramente no caminho do amor quando fotografou essas duas folhas caídas em forma de coração.
    Bonitas.

    Abraço.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito obrigada, Armindo, pela habitual amabilidade, e palavras de apreço.
      Um abraço... um pouco apressado por estes dias...
      Ana

      Eliminar
  13. E os tons outonais e a chuva bem são propícios ao amor...
    Excelente foto.

    Saudações!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Todas as estações do ano, o são... acho eu...
      Obrigada, pela visita e incentivo, Roadrunner.
      Saudações
      Ana

      Eliminar
  14. Cores outonais, que sempre me são mágicas. Muito bela a foto. Para ver o amor em nossos caminhos é preciso que o saibamos viver em nossos corações. Bjs.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Como sempre, não poderia estar mais de acordo consigo, Marilene!
      Adoro o seu poder de síntese... dizer tudo em poucas palavras... mas já não é mesmo segredo para ninguém... ;-)
      Beijos e obrigada pela visita e comentário.
      Ana

      Eliminar
  15. Muito bonito. Obrigada Ana por indicá-lo lá para os pinta-amores. Já guardei a imagem para um futuro post. :)

    ResponderEliminar