terça-feira, maio 06, 2014

Fresh Start

Fotos de céu. / Sky photos.

Às vezes, não há rigorosamente mais nada a acrescentar... ao que não poderia ter sido melhor afirmado, de outra forma.
Foto de Ana Freire... e mais um grande pensamento, em poucas palavras... bem adequado à imagem.
"A vitalidade não se revela apenas na capacidade de persistir, mas também na de começar tudo de novo." (F.SCOTT FITZGERALD, 1896 - 1940)
Às vezes, não há rigorosamente mais nada a acrescentar... ao que não poderia ter sido melhor afirmado, de outra forma. / Sometimes, there is absolutely nothing more to add... to what could not have been better said, in any other way.
Recomeço / Fresh Start
"Vitality shows not only in the ability to persist, but in the ability to start over." (F. SCOTT FITZGERALD, 1896 - 1940)
Sometimes, there is absolutely nothing more to add... to what could not have been better said, in any other way.
Photo by Ana Freire... and another great thought, in a few words, above... well suited to the image.


18 comentários:

  1. Uma fotografia em que o verde domina. Assim como a luz harmoniosa e aconchegante também domina. E já agora, porque não, o ângulo escolhido também domina. Enfim... Pelos vistos é uma fotografia em que tudo domina, mas sem exceder o limite.
    Qual é a moral deste meu palavreado todo?
    É uma fotografia com tudo no ponto certo e na quantidade certa.
    Até parece que vejo ali uma lagarta a brincar no tronco, fazendo dele um escorrega...
    :-D

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Mas qual lagarta?
      Bem... Se fosse formiga branca... é que seria mais preocupante...
      Com uma lagarta, ainda a árvore se aguenta... Abana, mas não cai.
      Obrigada pelas considerações, em relação à foto, Remus.
      Bjs
      Ana

      Eliminar
  2. Tudo na vida é feito de recomeços, de renovação...o que era seco virou verde e amanhã será castanho, ou ficará tudo nu, penso que não vale a pena persistir porque a foto já revela uma vitalidade incontornável.

    Beijos Ana

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada, Manu!
      Agora que a Primavera parece que veio mesmo para ficar, e que sempre marca a época dos eternos recomeços... achei que esta foto vinha a calhar...
      Beijos
      Ana

      Eliminar
  3. Li em algum texto que as coisas mais simples requer sentimento e se estiver repleta,funciona.
    É assim como olhamos e captamos cada foto _ aqui o verde se transformando em tonalidades e formatos . Bonita Ana.
    * estou aqui tentando acertar umas letrinhas que aparece para que o comentário seja aceito.De verdade, não serve para nada porque não impede vírus algum e só atrapalha com letras embaralhadas como se quisesse comprovar nossa habilidade para compreender hieroglifos sei lá rs Se fores em configuração do seu blog na parte de comentários deve ter lá as opções que se quiseres será um favor grande excluir essa modalidade para seus seguidores ok ? penso que todos vão agradecer rs
    Nada contra o obstáculo se eles não complicassem com letras incompreensíveis ,entende?
    Beijos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi, Lis!
      Obrigada...
      Em relação aos comentários... A sério? Tenho que ver isso então... Não tinha nem ideia... Assim que tiver um tempinho vejo isso. Hoje e amanhã já não vai dar... a ver se quinta-feira, vejo o que se passa nas definições dos comentários...
      Obrigada, por me ter avisado, Lis!
      Beijos
      Ana

      Eliminar
  4. Ficou ok Ana pode excluir pra mim ok? obrigada e beijos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ficou Ok? Então fica assim mesmo...
      Beijos e obrigada, pelo toque, Lis!
      Ana

      Eliminar
  5. Aquela luz toda até parece que vai sair do monitor para alegrar a sala onde estou.
    Quase que fico com vontade de espreitar por cima do tronco da árvore para apanhar com a luz do sol na cara - uma espécie de fotossíntese da alma.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá, Questiuncas!
      Obrigada pelas palavras... e mais uma vez, obrigada pela preferência...
      Um abraço
      Ana

      Eliminar
  6. Como uma pintura onde as cores se unem , como se de um suave sentimento se dilatasse no peito..

    Simples e belo.

    Abraço.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada, Armindo, pela amabilidade de sempre... e pelas considerações em relação à foto.
      É sempre um privilégio, ter a sua visita, por aqui...
      Um abraço
      Ana

      Eliminar
  7. Respostas
    1. Muito obrigada, João!
      Será uma honra, ter a sua visita, mais vezes, por aqui...
      Um beijo
      Ana

      Eliminar
  8. E a natureza é mestre nisso.
    Onde você menos espera, sai uma mudinha e a vida começa tudo de novo.
    Gostei das cores, das sombras e é claro do pormenor da planta em destaque.
    Bjos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois é!
      A Natureza tem sempre a capacidade de dar a volta por cima, e começar tudo de novo...
      Temos mesmo muito que aprender com a Natureza...
      Obrigada, Jéff!
      Beijos
      Ana

      Eliminar